Ampliada Nacional da Pastoral da Juventude

Querida Juventude, queridos assessores e queridas assessoras!

É com muita alegria e esperança que queremos partilhar com vocês uma boa-nova para a Pastoral da Juventude de todo Brasil!

Em sintonia com pjoteiras e pjoteiros de todos os lugares, a Coordenação Nacional e Comissão Nacional de Assessores(as), reunidos entre os dias 07 e 10 de março, em São Luís/MA, definiram o lugar que sediará a próxima Ampliada Nacional da Pastoral da Juventude (ANPJ), em janeiro de 2020. Com alegria, anunciamos que a ANPJ 2020 fará morada na Diocese de Erexim, no Rio Grande do Sul!
O Regional Sul 3 faz história ao sediar pela primeira vez uma Ampliada Nacional, reafirmando, com isso, o movimento da PJ de ‘ir às Galileias’, de Norte a Sul, ao encontro do Mestre que se revela na vida dos(as) jovens. As terras gaúchas acolherão as juventudes de todo o Brasil, que juntas irão (re)pensar e sonhar a caminhada da PJ Nacional.

No espírito deste caminho rumo a Ampliada, apresentamos também o tema e iluminação bíblica da próxima ANPJ, escolhidos após o processo de oração, diálogo e discernimento coletivos:

Tema: Te aprochega, reafirmemos a luta e partilhemos o pão! Na diversidade se faz comunhão!
Iluminação: “Vocês têm algo para comer?” (João 21,5)

O tema é um convite, um chamado para construirmos juntas e juntos a ANPJ. “Te aprochega” é um jeito de dizer “vem cá, chega junto, cola aqui, chega mais, bóra!”. É o convite da juventude que quer e sabe viver em comunidade. E é nesta comum-unidade que somos chamados(as) a reafirmar a luta e partilhar o pão. Reafirmar a luta pela vida e pelos direitos das juventudes, de todos(as) os(as) pobres e oprimidos(as); a luta por uma sociedade democrática, livre, justa e igualitária, sem violência, preconceito e ódio; a luta pela Civilização do Amor! Partilhar, assim, o pão da vida, da esperança, da vitória, o pão que mata a fome cotidiana.
O Lema da ANPJ é o versículo 5 do capítulo 21 das comunidades de João. Logo depois da experiência da crucificação de Jesus, os discípulos se encontram “sem pescar nada”, desanimados, sem perspectivas. A presença e indicação de Jesus, mesmo sem eles O reconhecerem, faz com que voltem para a pesca, reorganizem a ação, mudem o jeito de pescar e celebrem as redes cheias. Percebendo isso, o Discípulo Amado reconhece Jesus que convida para a festa da partilha, na beira do mar de Tiberíades. A pergunta do Mestre: “vocês tem algo para comer?” desperta para o movimento de olhar para as realidades, retomar o compromisso cotidiano e agir com novo impulso amoroso em nossa Pastoral da Juventude. A experiência de comer a “beira do mar”, do cuidado permanente, nos irmana e nos faz milagre/sinal de esperança e vida nesses tempos difíceis.

No espírito amoroso da partilha e da comunhão, revelada na diversidade própria das juventudes e de nossa organização pastoral em todo Brasil, desafiados pela nossa Campanha Nacional de enfrentamento aos ciclos de violência contra a mulher, nos colocamos a caminho rumo a ANPJ em Erexim/RS, dentro do caminho dos 50 anos da PJ, de mãos dadas, comprometidos em “aprochegar-se” e não desistir da vida.

ANPJ 2020

Nenhum Comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

 Pastoral da Juventude

Site oficial da Pastoral da Juventude, organização de jovens ligada à Conferência Nacional dos Bispos do Brasil – CNBB