Trigo e girassol

luz-caminhada

Trigo e Girassol – a vida é potência e possibilidade

Que bonita a espiritualidade do girassol. É uma planta heliotrópica (posiciona o caule em direção ao sol). O girassol tem um foco. Tem uma direção. O girassol encontrou uma causa para viver. Em dias nublados os girassóis colocam-se um para o outro – numa espécie de troca de energia. É fantástico: ora foca no sol, ora foca no próximo. De ambos vem a força da sobrevivência.

Outra coisa bacana do girassol é a quantidade das sementes – são muitas e utilizadas para várias coisas: alimento, óleo, energia… O girassol não vive para si, mas para espalhar sementes. Sabe que a vida não tem sentido se voltada para dentro – se abre, se espalha, morre para que outras vidas sejam possibilidade. Na flor do girassol há a potência de muitos girassóis.

Jesus no evangelho de hoje fala do trigo. O grão morre para fazer nascer mais vida. É uma mistura de dor, entrega, potência e possibilidade. Se a gente pensar bem, assim é a vida. Quem está aqui, um dia se vai. Vai, mas fica. É grão que morre e grão novo que nasce. É flor e semente. É sol. É causa, foco, esperança… É cair e levantar-se todos os dias. Morte e vida caminham juntas.

Parece clichê, mas lá vai: sejamos girassóis! Se quisermos focar em mil coisas, possivelmente não focaremos em nenhuma. O tudo é muito próximo do nada. O muito é sempre pouco. Qual é mesmo a causa que queremos viver? Qual o sol que faz nossa vida girar? Quem são os próximos que nos dão energia? É bom, muito bom, a gente ir descobrindo essas coisas.

Bom domingo, de trigo e de girassóis!

Pe. Maicon A. Malacarne

Nenhum Comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

 Pastoral da Juventude

Site oficial da Pastoral da Juventude, organização de jovens ligada à Conferência Nacional dos Bispos do Brasil – CNBB