[Nossa VOZ] DITADURA NUNCA MAIS

*Por Robson Silva Oliveira

55669576_1015227678666965_8386259322903986176_nO Golpe Civil Militar no Brasil completou neste dia 1º de abril 55 anos, diante disso a Pastoral da Juventude quer reafirmar o repúdio a todo ato que tem por intenção comemorar ou retirar o caráter violento da Ditadura civil Militar que durante 21 anos atentaram contra a democracia no Brasil.

Como jovens que defendem a vida, a participação social e liberdade, temo por dever defender a democracia. Queremos nós, inspirados na pessoa de Jesus Cristo, criar caminhos de construção de uma sociedade sem mordaças, democrática, justa e de paz que garantam o direito a vida digna a todos e todas. (Pastoral da Juventude, 2012)

Assim como igreja queremos reiterar a fala de nossos pastores:

“Recontar os tempos do regime de exceção faz sentido enquanto nos leva a perceber o erro histórico do golpe, a admitir que nem tudo foi devidamente reparado e a alertar as gerações pós-ditadura para que se mantenham atuantes na defesa do Estado Democrático de Direito” (CNBB, 2014)

Que a partir da memória crítica de tantos e tantas jovens, lideranças , indígenas, religiosos e religiosas que tiveram a vida ceifada, que foram torturados e torturadas ou que foram exilados e exiladas durante a Ditadura Civil Militar, queremos gritar : DITADURA NUNCA MAIS!

 

*Robson Silva Oliveira é Coordenador Nacional da Pastoral da Juventude pelo Regional Sul 1, São Paulo. Formado em História, Mestre em Planejamento Urbano e Regional.

 

Referências:
PASTORAL DA JUVENTUDE, Pastoral da Juventude, um jeito de ser e fazer: Somos igreja Jovem. Brasília, DF:PJ, 2012
CNBB, Declaração por tempos novos, com liberdade e democracia. Brasília – DF, 2014.

 

 

Nenhum Comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

 Pastoral da Juventude

Site oficial da Pastoral da Juventude, organização de jovens ligada à Conferência Nacional dos Bispos do Brasil – CNBB