Exercício da Qualidade

Objetivo:
Conscientizar os membros do grupo para observar as boas qualidade nas outras pessoas.

Número de pessoas:
Indiferente.

Material necessário:
Lápis e papeletas.

Como Fazer:
O animador iniciará dizendo que, na vida diária, na maioria das vezes as pessoas observam não as qualidades, porém os defeitos do próximo. Nesse instante, cada qual terá a oportunidade de realçar uma qualidade do colega. Para isso: I. O animador distribuirá uma papeleta para todos os participantes. Cada qual deverá escrever nela a qualidade que no seu entender caracteriza o colega da direita; II. A papeleta deverá ser completamente anônima, sem nenhuma identificação. Para isso não deve constar nem o nome da pessoa da direita, nem vir assinada; III. A seguir o animador solicita que todos dobrem a papeleta para ser recolhida, embaralhada e redistribuída; IV. Feita a redistribuição, começando pela direita do animador, um a um lerá em voz alta a qualidade que consta na papeleta, procurando entre os membros do grupo a pessoa que, no entender do leitor, é caracterizada com esta qualidade. Só poderá escolher uma pessoa entre os participantes; V. Ao caracterizar a pessoa, deverá dizer porque tal qualidade a caracteriza; VI. Pode acontecer que a mesma pessoa do grupo seja apontada mais de uma vez como portadora de qualidades que escreveu para a pessoa da direita; VII. Ao término do exercício, o animador pede aos participantes depoimentos sobre o mesmo.

Observações:
Esta dinâmica pode ser aplicada em encontros que refletem sobre as relações interpessoais e sua importância.

1 Comentário

responder
Antonio Marcos

Sou Coordenador paroquial, e do grupo de Base JUC aqui de minha paróquia em Satubinha-MA, e Achei Bastante interessante e bonita essa dinâmica, no qual irei apresenta ao grupo neste Sábado no encontro .

16 de janeiro de 2015

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

 Pastoral da Juventude

Site oficial da Pastoral da Juventude, organização de jovens ligada à Conferência Nacional dos Bispos do Brasil – CNBB